Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/11/20 às 22h25 - Atualizado em 3/11/20 às 12h47

02/11

COMPARTILHAR

Pelo Mundo-Dia de Finados com respeito às medidas contra a Covid

“Hoje foi um Dia de Finados atípico, é o primeiro deste período de pandemia, em que muitas pessoas perderam seus entes queridos para essa doença. Nosso objetivo com essa ação é garantir que os visitantes possam ir aos cemitérios em segurança visitar seus entes”, afirma a secretária, Marcela Passamani.

 

Agência Brasília – Dia de Finados com respeito às medidas contra a Covid

“Hoje foi um Dia de Finados atípico, é o primeiro deste período de pandemia, em que muitas pessoas perderam seus entes queridos para essa doença. Nosso objetivo com essa ação é garantir que os visitantes possam ir aos cemitérios em segurança visitar seus entes”, afirma a secretária, Marcela Passamani.

 

Chiquinho Dornas- Dia de Finados com respeito às medidas contra a Covid

“Hoje temos um Dia de Finados atípico, é o primeiro deste período de pandemia, em que muitas pessoas perderam seus entes queridos para essa doença. Por isso, o nosso objetivo com essa ação é garantir que os visitantes possam ir aos cemitérios em segurança prestar as suas homenagens”, afirma a secretária da pasta, Marcela Passamani.

 

Globo/G1-No Dia de Finados, cemitérios do DF têm movimento menor que em anos anteriores e medidas de prevenção contra coronavírus

Dia de Finados, em comparação com os anos anteriores. Em meio à pandemia do novo coronavírus, o esquema de visitação foi alterado para evitar aglomerações e as pessoas tiveram que tomar medidas contra a Covid-19.

 

Metrópoles- Finados: para fugir de aglomeração, brasilienses adiantam ida a cemitérios

A empresa Campo da Esperança Serviços Ltda., administradora dos seis cemitérios do Distrito Federal, recomendou que as homenagens de 2 de novembro deste ano sejam feitas de casa. Diante da pandemia do novo coronavírus, a orientação é para respeitar o distanciamento social. Porém, quem decidir visitar os jazigos no feriado, precisa seguir uma série de recomendações.

 

Metrópoles – Confira as regras para visitação em cemitérios neste Dia de Finados

Vale lembrar que o Campo da Esperança Serviços Ltda., administrador dos seis cemitérios do Distrito Federal, recomendou que as homenagens no Dia de Finados sejam feitas em casa.Diante da pandemia do novo coronavírus, a orientação é para respeitar o distanciamento social. Porém, quem decidir visitar os túmulos de entes queridos no feriado, precisa seguir uma série de recomendações.

 

Correio Braziliense- Com cuidados contra covid-19, Dia de Finados é chance para prestar homenagens

O ato marca não só a nobreza de se lembrar daqueles que partiram, mas é sinal de respeito pelo próximo. A recomendação da empresa Campo da Esperança, que administra os seis cemitérios da capital (Asa Sul, Taguatinga, Gama, Planaltina, Brazlândia e Sobradinho), é de que a população dê preferência às homenagens em casa hoje. O número de visitantes segue irrestrito, com a entrada livre para quem quiser prestar tributos. O público, no entanto, deve ficar atento às normas. Entre elas, está o uso obrigatório de máscara de proteção facial e o distanciamento de, no mínimo, dois metros entre cada pessoa.

 

Globo/G1- Cemitérios do DF registram cerca de 2 mil enterros a mais que no mesmo período dos últimos três anos

O número de enterros no Distrito Federal, bateu recorde em 2020, em comparação com os últimos anos. A empresa Campo da Esperança, que administra os seis cemitérios de Brasília, registrou 11.024 sepultamentos até o começo de outubro. No mesmo período de 2019, esse número era de 8.897.