Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/08/20 às 7h59 - Atualizado em 10/09/20 às 14h43

10/09

COMPARTILHAR

 

Metrópoles-Sejus lança campanhas sobre saúde mental de crianças e adolescentes

“Podemos abordar esses assuntos em qualquer idade, mas de formas diferentes, considerando a faixa etária. No caso das crianças, é por meio das brincadeiras e da fantasia que elas conseguirão se expressar. E essa é a proposta da nossa revistinha”, diz a secretária Marcela Passamani.

 

Jornal de Brasília – DO ALTO DA TORRE 

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) aderiu à campanha “Vem Brincar Comigo 2020”, que tem como meta arrecadar brinquedos e livros infantis para crianças em situação de vulnerabilidade no Distrito Federal. “Forças” – “Neste momento tão difícil, precisamos unir forças e levar a nossa solidariedade para aqueles que mais precisam”, ressaltou a titular da secretaria, a advogada Marcela Passamani.

 

Metrópoles-Arroz, óleo e tomate: veja os preços que salgam o prato dos brasilienses_

O Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-DF) informa que foram registradas, de 14 de março até essa terça-feira (8/9), 1.289 denúncias relacionadas a preços abusivos de alimentos no DF.O Procon pede ao consumidor que faça denúncias nos canais oficiais do instituto, pelo telefone 151 ou e-mail 151@procon.df.gov.br.

 

Agência Brasília – Cuidados com a saúde mental de crianças e adolescentes

A proposta é contribuir para que esse tema deixe de ser um tabu, especialmente quando se trata de pessoas com menos de 18 anos de idade, como lembra a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani. “Ao contrário do que muitos imaginam, nossas crianças e adolescentes também precisam lidar com o sofrimento psicológico. Por isso, devemos ficar alertas para identificar os sinais de que algo não está bem e conversamos mais com nossas meninas e meninos”, afirma.

 

Pelo Mundo-Sejus lança campanhas sobre saúde mental de crianças e adolescentes

“Podemos abordar esses assuntos em qualquer idade, mas de formas diferentes, considerando a faixa etária. No caso das crianças, é por meio das brincadeiras e da fantasia que elas conseguirão se expressar. E essa é a proposta da nossa revistinha”, diz a secretária Marcela Passamani.

 

Blog da Cris – Cuidados com a saúde mental de crianças e adolescentes

A proposta é contribuir para que esse tema deixe de ser um tabu, especialmente quando se trata de pessoas com menos de 18 anos de idade, como lembra a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani. “Ao contrário do que muitos imaginam, nossas crianças e adolescentes também precisam lidar com o sofrimento psicológico. Por isso, devemos ficar alertas para identificar os sinais de que algo não está bem e conversamos mais com nossas meninas e meninos”, afirma.

 

Correio Braziliense- Sejus lança campanhas sobre saúde mental de crianças e adolescentes
A Secretaria elaborou uma revista em quadrinhos que utiliza linguagem para o público infantil, com temas sobre valorização da vida, amor próprio e bullying. “Podemos abordar esses assuntos em qualquer idade, mas de formas diferentes, considerando a faixa etária. No caso das crianças, é por meio das brincadeiras e da fantasia que elas conseguirão se expressar. E essa é a proposta da nossa revistinha”, diz a secretária Marcela Passamani.