Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
14/08/20 às 13h13 - Atualizado em 18/08/20 às 16h09

17/08

COMPARTILHAR

Agência Brasília-Reforço nos serviços de saúde do Paranoá

As pessoas em situação de rua, que ficam ao redor do prédio, terão atenção especial. A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) faz abordagens e encaminha, aqueles que aceitam, para abrigos. A administração também acionou a Subsecretaria de Enfrentamento às Drogas (Subed), subordinada à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), para conscientizar usuários de álcool e drogas.

 

Correio Braziliense-Conselho recomenda home office para deficientes visuais na pandemia 

Como justificativa para a medida, o órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) levou em consideração a permanência de altos índices de contágio e letalidade na capital pela covid-19.

Para manter as atividades dos funcionários, o presidente aconselhou as empresas públicas e privadas que, caso tenham funcionários com deficiência visual total ou com baixa visão, garantam o exercício das atividades laborais de modo remoto, por equipamentos e sistemas informatizados, pelo período em que vigorarem as medidas oficiais de isolamento social e demais orientações dos serviços de saúde com vista à prevenção do contágio.

 

Pelo Mundo- Reforço de servidores da Saúde para moradores do Paranoá

As pessoas em situação de rua, que ficam ao redor do prédio, terão atenção especial. A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) faz abordagens e encaminha, aqueles que aceitam, para abrigos. A administração também acionou a Subsecretaria de Enfrentamento às Drogas (Subed), subordinada à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), para conscientizar usuários de álcool e drogas.

 

Agência Brasília-Conselho recomenda home office para deficientes visuais na pandemia 

Como justificativa para a medida, o órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) levou em consideração a permanência de altos índices de contágio e letalidade na capital pela covid-19.

Para manter as atividades dos funcionários, o presidente aconselhou as empresas públicas e privadas que, caso tenham funcionários com deficiência visual total ou com baixa visão, garantam o exercício das atividades laborais de modo remoto, por equipamentos e sistemas informatizados, pelo período em que vigorarem as medidas oficiais de isolamento social e demais orientações dos serviços de saúde com vista à prevenção do contágio.

 

Pelo Mundo-Conselho recomenda trabalho a distância para pessoas com deficiência visual

O Conselho Distrital de Defesa e Promoção dos Direitos Humanos publicou nesta segunda-feira (17), no Diário Oficial do DF, uma recomendação para que os órgãos públicos e as empresas privadas mantenham os trabalhadores com deficiência visual em home office durante a pandemia de Covid-19. As orientações do colegiado, que é vinculado à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), estão na Resolução Nº 14, aprovada em reunião plenária no dia 20 de maio.

 

Pelo Mundo -Reforço nos serviços de saúde do Paranoá

As pessoas em situação de rua, que ficam ao redor do prédio, terão atenção especial. A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) faz abordagens e encaminha, aqueles que aceitam, para abrigos. A administração também acionou a Subsecretaria de Enfrentamento às Drogas (Subed), subordinada à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), para conscientizar usuários de álcool e drogas.