Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/06/20 às 9h44 - Atualizado em 26/06/20 às 20h33

24/06

COMPARTILHAR

Metrópoles – GDF reserva cota de 20% das vagas de estágio para negros e pardos

De acordo com Marcela Passamani, secretária de Justiça e Cidadania, a ação é essencial para que a diferença de oportunidades entre negros e não negros seja cada vez menor. “Com mais esse passo, esperamos contribuir para a qualificação e ingresso no mercado de trabalho dos nossos jovens negros, que enfrentam mais dificuldades que os demais estudantes no início da vida profissional”, analisou.

 

Agência Brasília -GDF reserva 20% das vagas de estágio para negros

Na avaliação da secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, esse é mais um avanço para a promoção da igualdade racial no DF. “A diferença de oportunidades entre negros e não negros ainda é grande na sociedade. Com mais esse passo, esperamos contribuir para a qualificação e ingresso no mercado de trabalho dos nossos jovens negros, que enfrentam mais dificuldades que os demais estudantes no início da vida profissional”, afirmou Passamani.

 

Jornal de Brasília  – GDF reserva 20% das vagas de estágio em órgão público para negros

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) fará uma comissão especial para avaliar os candidatos autodeclarados negros. Segundo o GDF, esta comissão terá de ser composta por servidores de “reconhecida representatividade de combate ao racismo”, sendo um servidor da Sejus; dois da Subsecretaria de Direitos Humanos e de Igualdade Racial ou órgão incumbido nas mesmas políticas públicas; e dois do Conselho de Defesa dos Direitos do Negro do Distrito Federal (CDDN). O mandato dos membros será de dois anos.

 

G1 – Governo do DF reserva 20% das vagas de estágio para candidatos negros

Para a secretária de Justiça e Cidadania do DF, Marcela Passamani, a política é mais um avanço para a promoção da igualdade racial no DF. “A diferença de oportunidades entre negros e não negros ainda é grande na sociedade”, afirma.

“Com mais esse passo, esperamos contribuir para a qualificação e ingresso no mercado de trabalho dos nossos jovens negros, que enfrentam mais dificuldades que os demais estudantes no início da vida profissional.”

 

Correio Braziliense – GDF reserva cota de 20% das vagas de estágio para estudantes negros

Para a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, a decisão é um avanço na promoção da igualdade racial do DF, uma vez que a diferença de oportunidades entre negros e não negros ainda é grande na sociedade. “Com mais esse passo, esperamos contribuir para a qualificação e ingresso no mercado de trabalho dos nossos jovens negros, que enfrentam mais dificuldades que os demais estudantes no início da vida profissional”, afirmou.

 

Bem Mais Brasília – GDF reserva 20% das vagas de estágio para negros

Na avaliação da secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, esse é mais um avanço para a promoção da igualdade racial no DF. “A diferença de oportunidades entre negros e não negros ainda é grande na sociedade. Com mais esse passo, esperamos contribuir para a qualificação e ingresso no mercado de trabalho dos nossos jovens negros, que enfrentam mais dificuldades que os demais estudantes no início da vida profissional”, afirmou Passamani.

 

Blogdacris -GDF reserva 20% das vagas de estágio para negros

A medida é semelhante à adotada pelos órgãos públicos federais em 2018, após a articulação do então ministro de Direitos Humanos, Gustavo Rocha, que foi secretário da Sejus, entre janeiro de 2019 e março de 2020.

 

 

Leia também...