Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/10/20 às 15h14 - Atualizado em 19/10/20 às 15h15

Ação itinerante realiza quase mil atendimentos de saúde e cidadania aos moradores da Estrutural

COMPARTILHAR

Foto: Jhonatan Ribeiro/Sejus

 

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) realizou 990 atendimentos na Estrutural durante a passagem do programa Sua Vida Vale Muito Itinerante, entre os dias 15 e 17 de outubro. Desse total, 520 foram realizados pelos profissionais de saúde, como médicos, psicólogos, nutricionistas e fisioterapeutas. Os outros 470 atendimentos foram referentes ao Na Hora, uma novidade desta edição. Foi a primeira vez que os participantes do programa puderam tirar a 1ª via da identidade e fazer o agendamento dos demais serviços do Na Hora.

 

“A nossa intenção é nos aproximarmos cada vez mais da população, levando ações de saúde e de cidadania para as regiões administrativas”, afirmou a secretaria da pasta, Marcela Passamani, que esteve na Estrutural, no último sábado (17), para acompanhar os atendimentos ao lado do governador Ibaneis Rocha. Ibanês também aproveitou a oportunidade para conhecer de perto a iniciativa da Sejus e conversar com os moradores atendidos.

 

Esta edição também foi marcada pela inclusão de acupuntura e auriculoterapia – prática utilizada na medicina oriental que, ao ativar pontos da orelha, trata de sintomas de doenças físicas, mentais e psicológicas. “Tive a oportunidade de trazer esse trabalho para o programa Sua Vida Vale Muito e ajudar as pessoas a diminuírem suas ansiedades por meio da auriculoterapia”, disse o acupunturista Roberto Kenedy. Ele foi um dos 25 voluntários mobilizados pelo programa Voluntariado em Ação, também coordenado pela Sejus, para atender nesta quarta edição do evento itinerante. Os demais voluntários que atuaram na Estrutural foram: 5 assistentes sociais, 6 enfermeiros, 3 estudantes de enfermagem, 1 fisioterapeuta, 3 médios, 2 nutricionistas e 4 psicólogos.

 

“Eu acho lindo saber que tem pessoas que trabalham por amor à sociedade e não se importam só com o dinheiro”, disse emocionada a cozinheira Paulina Alves, de 42 anos, depois de passar pelo atendimento médico. “Foi maravilhoso ter uma equipe de médicos aqui pertinho de casa e para te atender rápido e com qualidade”, completou a moradora Camila Damásio, de 44 anos, que passou pelos serviços de saúde e Na Hora.

 

Além da Estrutural, a ação, criada em agosto, já passou por Ceilândia, Sobradinho II e Itapoã. Nas quatro cidades, foram realizados mais de 2 mil atendimentos e reunidos 125 profissionais voluntários. “Estamos divulgando de maneira abrangente as ações da Sejus junto às comunidades que mais precisam. Os projetos são voltados para eles”, concluiu a secretária.

 

As próximas cidades a receberem o projeto ‘Sua vida vele muito’ vão ser divulgadas em breve pela Secretaria de Justiça.

Leia também...