Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
5/02/19 às 18h24 - Atualizado em 6/02/19 às 11h24

Debates buscam diminuir incidência da gravidez na adolescência

COMPARTILHAR

 

 

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), por meio das Subsecretarias de Políticas para Crianças e Adolescentes e do Sistema Socioeducativo, dá continuidade às ações para a conscientização e prevenção da gravidez na adolescência durante este mês de fevereiro. Nesta terça-feira (5), a Sejus realizou Roda de Conversa sobre a gravidez na adolescência, na Unidade de Internação de Santa Maria.

 

Para Adriana Faria, subsecretária de Políticas para Crianças e Adolescentes, a Roda de Conversa foi muito produtiva, quando foram esclarecidos diversos aspectos e feitas as devidas orientações sobre as consequências de uma gravidez precoce.  A Roda de Conversa foi orientada por Denise Ocampos, que é da Secretaria de Saúde e profissionais da equipe dela.

 

Também participaram o subsecretário do Sistema Socioeducativo, Demontiê Alves, profissionais da equipe da subsecretaria de Políticas para Crianças e da subsecretaria do Sistema Socioeducativo. A secretária de Mulheres, Erika Filipelli, também participou do evento.

 

“Esta foi uma oportunidade importante de oferecer atividade de conscientização para as adolescentes que participaram ativamente do debate. Sabemos que muitas delas não receberam educação e orientações necessárias sobre o tema e passaram por experiências de gravidez precoce”, disse Adriana.

 

Agenda

 

Palestra “A gravidez precoce e o seu reflexo na vida familiar”, acontece nesta quarta-feira (6),  e é mais uma das atividades educativas da campanha realizada pela Sejus, Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente, OAB, Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios, Sistema Fibra e Conselhos Tutelares do DF.

 

A palestra, ministrada pelas defensoras públicas do Núcleo da Infância e da Juventude, Juliana Leandra e Leandra Vilela, ocorrerá no Auditório da Escola de Assistência Jurídica (Easjur), das 9h às 12h, e as inscrições podem ser feitas no site www.escola.defensoria.df.gov.br

 

De acordo com o Secretário de Justiça e Cidadania do DF, Gustavo Rocha, a Sejus compromete-se a atuar, realizando ações sistemáticas, consistentes e continuadas, ao longo do ano, visando a disseminação de informações sobre medidas preventivas e educativas que contribuam para a redução da incidência da gravidez na adolescência.

 

”Nosso compromisso é promover a reflexão e conscientização, pautando outros órgãos do poder público para o enfrentamento desse importante problema de saúde pública, que inscreve o Brasil entre os países com maiores prevalências, sacrificando nossos adolescentes e o futuro da nação”, afirmou.