Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/05/19 às 10h09 - Atualizado em 2/05/19 às 10h09

Mulheres terão curso de capacitação para empoderamento

COMPARTILHAR

Foto: MMFDH

 

A Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus/DF), a Secretaria da Mulher do DF, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) e a Defensoria Pública da União (DPU), assinaram um termo de compromisso na última terça-feira (30/4), para implementação do projeto “Elas Prosperam”. A iniciativa tem como objetivo a promoção do protagonismo das trabalhadoras, através de cursos de profissionalização.

 

O secretário da Sejus, Gustavo Rocha, destacou a importância da união de forças nesta ação que favorecerá as mulheres, principalmente as que estão em situação de vulnerabilidade social, as negras, quilombolas e mulheres com deficiência.

 

“A iniciativa mostra o alinhamento dos governos e secretarias no combate a todo tipo de discriminação e na busca da melhoria das condições de vida. Além disso, vai ajudar no empoderamento da mulher, auxiliando na sua independência financeira”, disse o secretário.

 

Gustavo Rocha informou ainda que o projeto vai ser executado com recursos da Sejus, no valor de R$ 500 mil, para a qualificação dessas mulheres em cursos profissionalizantes que serão organizados pela subsecretaria de Igualdade Racial, vinculada à Sejus.

 

A expectativa, segundo o subsecretário da Igualdade Racial, Diego Moreno, é de formar mil mulheres. “É importante que elas sejam capacitadas para romperem o ciclo de dependência financeira dos maridos que muitas vezes as agridem e tenham condições de buscar um ambiente de trabalho melhor”, afirmou.

 

A ministra do MMFDH, Damares Alves, a secretária da Mulher do DF, Erika Fillpelli e a secretária da Mulher do MMFDH, Tia Eron, também participaram da assinatura do documento no ministério.