Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/02/21 às 15h44 - Atualizado em 10/02/21 às 9h59

Parceria com iniciativa privada estimula contratação de mulheres do sistema prisional

COMPARTILHAR

 

Créditos para a foto: Jefferson Euriques /Sejus-DF

 

O Governo do Distrito Federal (GDF) celebrou mais uma parceria com a iniciativa privada para a oferta de capacitação profissional nas unidades prisionais. Foi assinado, nesta segunda-feira (8), no gabinete do governador Ibaneis Rocha, um contrato com a empresa Montreal Montadora de Móveis do grupo Novo Mundo, que permitirá o treinamento e a contratação de reeducandas da Penitenciária Feminina para a produção de capas de sofá e estofados.

 

O contrato será executado pela Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), por meio da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap). “É importante a união de todos os setores da sociedade para que a ressocialização seja efetiva em nossa sociedade. Eu sempre falo: precisamos dar oportunidades para que as pessoas possam recomeçar e romper ciclos”, afirma a secretária da Sejus, Marcela Passamani.

 

No primeiro momento, serão contratadas cinco reeducandas, que receberão uma bolsa ressocialização no valor de R$ 825,00. O contrato terá duração de 12 meses. Elas vão trabalhar na própria unidade prisional, onde a empresa vai instalar um polo de produção previsto para ser inaugurado em maio. “Nós vamos fornecer a mão de obra e o espaço físico. Já a empresa será responsável pelo maquinário, insumos e capacitação das reeducandas. Com isso, esperamos oferecer a essas custodiadas formação profissional e uma oportunidade para que sejam reinseridas na sociedade quando estiverem em liberdade”, diz a diretora executiva da Funap, Deuselita Martins.

 

Chamamento Público: A Montreal Montadora de Móveis atendeu a um chamamento público aberto pela Funap/Sejus no dia 6 de janeiro deste ano, para convocar empresas interessadas em utilizar os espaços das unidades prisionais para promover a capacitação profissional, e a contratação de presos do regime fechado e semiaberto. O Edital segue aberto para que outras empresas possam formalizar essa parceria com o governo. Os interessados devem procurar a sede da FUNAP/DF, situada no SIA Trecho 02.