Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/09/19 às 15h20 - Atualizado em 19/09/19 às 15h22

Parceria promoverá valorização dos povos ciganos

COMPARTILHAR

 

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), representada pelo subsecretário de Direitos Humanos e Igualdade Racial, Juvenal Araújo e representantes da Superintendência do Patrimônio da União (SPU), fizeram uma visita técnica ao acampamento cigano Nova Canaã, localizado na Rota do Cavalo em Sobradinho, no última semana.

 

Na ocasião foram debatidas a primeira concessão de uso de terra para ciganos da América Latina e o projeto Mulheres Empreendedoras. Esse projeto levou capacitação à comunidade através de cursos e oficinas para fortalecer o empreendedorismo, com o objetivo de promover autonomia econômica às pessoas e desenvolvimento de novas habilidades profissionais.

 

O subsecretario de Direitos Humanos e Igualdade Racial da Sejus, Juvenal Araújo, falou da importância de parceria entre a Sejus, a SPU e a Associação Nacional dos Ciganos (ANEC) “para a valorização dos povos ciganos do Brasil e para que possam ter acesso a políticas públicas”.

 

O superintendente da SPU, General Gonçalves, disse que a ideia é que essa parceria entre a superintendência, o GDF e a ANEC possa levar melhorias ao acampamento.

 

A cigana Daiane Rocha ressaltou a importância da visita, considerada pelos ciganos “um momento único e histórico”.