Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/05/19 às 10h54 - Atualizado em 3/05/19 às 10h56

Projeto Bola ao Alto será lançado neste sábado (04/5)

COMPARTILHAR

 

A Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus/DF), a Fundação Procuradora Pedro Jorge de Melo e Silva, a Rede Solidária Anjos do Amanhã, programa social da Vara da Infância e da Juventude do DF, o Senac e o Lar Abrigo São José, irão lançar o projeto Bola ao Alto no dia 4 de maio (sábado), às 9h, no Centro de Artes e Esportes Unificados da QNR 02, Ceilândia Norte.

 

A cerimônia de abertura contará com a presença da comunidade e representantes de órgãos cujas pautas têm transversalidades com o projeto e temáticas afetas ao CEU das Artes. A ideia é possibilitar novas oportunidades aos adolescentes acolhidos pelo Lar Abrigo São José, justificando até mesmo o nome escolhido, “Bola ao Alto”, movimento inicial do jogo de basquete.

 

Para o subsecretário de Direitos Humanos da Sejus, Juvenal Araújo, “essa iniciativa busca contribuir para o desenvolvimento integral dos jovens em situação de vulnerabilidade social, oferecendo melhoria no desempenho escolar e democratização do esporte. A união do esporte e da educação é a melhor estratégia para que esses meninos e meninas possam construir novas trajetórias de vida”.

 

A proposta será coordenada por Nara Maubrigades e João José Vianna (Pipoka), campeão olímpico, ex membro da seleção brasileira de basquete e segundo brasileiro a entrar na NBA – National Basketball Association – a principal liga de basquete do mundo. Espera-se que, através da oficina de Basquete, do reforço escolar e das capacitações oferecidas, o projeto leve aos jovens vínculos saudáveis, desenvolvendo os valores do esporte, habilidades corporais, estimulo ao desenvolvimento integral, aumento no rendimento escolar, inserção em universidades e no mercado de trabalho daqueles que estiverem completando 18 anos.

 

CEU das Artes – No local será montada uma oficina de basquete, aulas de reforço escolar, eventos esportivos periodicamente, curso de cidadania e profissionalizações. Serão disponibilizados os seguintes profissionais: coordenador geral, professor de educação física, 2 monitores para oficina de basquete, 5 monitores de reforço escolar, 2 monitores de curso de cidadania e 2 monitores de Psicologia.

 

Público-alvo – O projeto destina-se às crianças e adolescentes acolhidas no Abrigo Lar de São José e à comunidade que reside nas proximidades do Centro de Arte e Esportes Unificados – CEU das Artes QNM 28. A idade para participação das atividades é de 12 a 18 anos completos, tendo em vista as especificidades da modalidade esportiva desenvolvida.

 

Reforço escolar – Para a execução do reforço escolar serão montados grupos de, no máximo, 5 alunos, respeitando a faixa etária destes ou ano escolar de cada um. Poderá haver alteração nos grupos de acordo com a necessidade e grau escolar do beneficiário.

 

Oficina de Basquete – Para a oficina de basquete serão montadas duas turmas, dívididas por faixa etária.

 

Curso de Cidadania – As aulas ocorrerão aos sábados, quinzenalmente, sendo os beneficiários divididos em dois grupos, por faixa etária, havendo aula de um grupo a cada sábado.

 

Informações – Telefone: (61) 3313-5110