Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/10/19 às 19h12 - Atualizado em 21/10/19 às 19h12

Sejus debate ações sobre Primeira Infância e Programa Criança Feliz Brasiliense

COMPARTILHAR

 

O I Seminário de Primeira Infância do Programa Criança Feliz Brasiliense reuniu cerca de 200 pessoas, na manhã desta segunda-feira (21/10), entre especialistas, representantes da sociedade civil e gestores públicos envolvidos com a temática, como o secretário de Justiça e Cidadania, Gustavo Rocha, presente na abertura. O evento ocorreu no auditório da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), no Setor de Embaixadas Norte.

 

A Sejus foi responsável pela coordenação da mesa redonda “Avanços no Legislativo e no Judiciário das Políticas Públicas de Primeira Infância”, que abordou, entre outros assuntos, os avanços proporcionados pelo Marco Legal da Primeira Infância, sancionado em 2016, para a intersetorialidade e integração das políticas públicas. O secretário Gustavo Rocha foi representado pela subsecretária de Políticas para Crianças e Adolescentes da Sejus, Adriana Faria. As atividades continuam nesta terça-feira (22/10), quando serão abordado os temas Saúde, Assistência Social, Educação e Cultura no contexto do Programa Criança Feliz Brasiliense.

 

O evento faz parte do plano de ação de implementação do programa promovido pelo Governo do Distrito Federal, por meio da Subchefia de Políticas Sociais e Primeira Infância da Governadoria. A atividade tem como objetivo difundir ações integradas da primeira infância junto aos integrantes do sistema de Justiça, Saúde, Mulher, Assistência Social, Educação, Cultura e Esporte.

 

Programa: O Criança Feliz Brasiliense é vinculado à iniciativa do Governo Federal que prevê o desenvolvimento integral de crianças de zero a seis anos. Lançado em maio deste ano, o programa tem como meta acompanhar 3,2 famílias em extrema vulnerabilidade social. A madrinha do projeto é a primeira-dama Mayara Noronha. Ela anunciou que, ainda neste mês, será lançado o edital Região Administrativa Amiga da Primeira Infância, que visa premiar regiões que se destacam na implementação de ações de promoção, proteção e apoio ao desenvolvimento na primeira infância.