Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/10/19 às 16h01 - Atualizado em 11/10/19 às 16h01

Sejus debate atentados contra comunidades religiosas de matriz africana

COMPARTILHAR

 

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) esteve presente na audiência pública na Câmara dos Deputados na quarta-feira (9/10) que debateu o tema: Atentados e Crimes contra as Comunidades Religiosas de Matriz Africana, realizada pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias.

 

A audiência teve como objetivo denunciar e dar visibilidade aos constantes crimes que têm acometido as comunidades religiosas de matriz africana no Brasil, tendo como uma de suas principais consequências a destruição e expulsão de religiosos de seus terreiros e a prática de agressões aos sacerdotes.

 

Para o subsecretário de Políticas de Direitos Humanos e de Igualdade Racial da Sejus, Juvenal Araújo, “considerando a gravidade dos fatos, a audiência buscou focar na criação de ações e mecanismos de combate aos atos de violência que veem acontecendo em todo país e no Distrito Federal”. A coordenadora de Políticas de Proteção e Promoção da Liberdade Religiosa da Sejus, Adna dos Santos, conhecida como Mãe Baiana de Oyá, participou do evento.