Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/01/19 às 18h26 - Atualizado em 29/01/19 às 11h06

Sejus visita unidades terapêuticas para promover melhorias

COMPARTILHAR

 

O subsecretário de Enfrentamento às Drogas (Subed), pasta que integra a Sejus, Rodrigo Barbosa, intensificou as visitas às comunidades terapêuticas, unidades de referência para o tratamento a dependentes químicos e para reinserção social. O objetivo é conhecer a realidade de cada uma e traçar melhorias no sistema de atendimento e acolhimento. De acordo com Rodrigo Barbosa, é necessária uma atenção particular para cada comunidade, uma vez que existem necessidades diferenciadas.

 

As unidades conveniadas possuem cursos técnicos de hortas, marcenaria, assistente de recursos humanos, barbeiro, programador web e outros voltados para a área de informática, que devem ser divididas e mapeadas de acordo com as demandas para zona rural e zona urbana.

 

Durante as visitas, o subsecretário identificou algumas necessidades, como a informatização dos serviços, melhorias no sistema de triagem dos usuários e a criação de novos parceiros na área da saúde.

 

“Buscamos oferecer o melhor serviço para o acolhido, precisamos focar no eixo da prevenção, do tratamento e reinserção, para que futuras ações sejam proveitosas. Precisamos trabalhar para isso”, ressaltou o subsecretário.

 

Até o momento foram visitadas cinco comunidades terapêuticas: Abba Pai, Renovando a Vida (Ceilândia Norte); RAV (Núcleo Rural Ceilândia); Caverna de Adulão (Planaltina) e Desafio Jovem de Brasília (Núcleo Rural de Planaltina); Salve a Si (Cidade Ocidental – GO).

 

Nesta sexta-feira (25) será a vez da Comunidade Novo Tempo (Recanto das Emas) e Instituto Crescer (Gama).