Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/12/20 às 14h14 - Atualizado em 17/12/20 às 17h54

17/12

COMPARTILHAR

Metrópoles – Ibaneis sanciona lei que institui a educação domiciliar no DF

A família que demonstrar aptidão técnica para o homeschooling deve ser acompanhada por conselheiro tutelar, conforme o dispositivo legal. O texto sancionado proíbe educação domiciliar aos pais ou responsáveis condenados por crimes.

 

MDB Mulher- Selo Social reconhece resultados da Máscara Solidária

“Recebemos a notícia desse prêmio com muita alegria porque esse foi um projeto que conseguiu atender simultaneamente duas necessidades: proteger a população e dar mais uma oportunidade de trabalho aos internos, atendidos pela Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso, a Funap. E nos orgulhamos muito dele”, disse a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani.

 

Auto Papo – CNH Social, Popular ou Cidadã: veja os estados que oferecem os programas

40% aos beneficiários de programas sociais selecionados pela Sedes e Sejus, sendo classificados conforme critérios estabelecidos por cada pasta

 

Globo/G1 – Menores sob guarda de vítimas de violência doméstica terão prioridade em matrículas nas escolas públicas do DF

Os registros ainda serão encaminhados à Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF), para que a pasta preste atendimento essas famílias. A prioridade também será válida fora do período regular de matrículas. O decreto dá prazo de 60 dias para que a Secretaria de Educação do DF e a Sejus publiquem uma portaria estabelecendo os procedimentos para dar cumprimento à medida.

 

Metrópoles – Crianças sob custódia de mulheres vítimas de violência terão prioridade para matrículas em escolas no DF

 A Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal e a Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, em 60 dias, editarão Portaria Conjunta, a qual estabelecerá os procedimentos para dar cumprimento ao decreto.

 

Agência Brasília -Adolescentes socieducandos concluem curso profissionalizante
Segundo a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, a união de todos os parceiros é fundamental para que o projeto dê certo. “Começo agradecendo porque todos os atores envolvidos são os grandes responsáveis para que a gente conseguisse chegar ao dia de hoje com a aprovação desses 25 jovens.

 

Pelo Mundo -Adolescentes socieducandos concluem curso profissionalizante
Segundo a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, a união de todos os parceiros é fundamental para que o projeto dê certo. “Começo agradecendo porque todos os atores envolvidos são os grandes responsáveis para que a gente conseguisse chegar ao dia de hoje com a aprovação desses 25 jovens.