Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
3/06/24 às 15h17 - Atualizado em 3/06/24 às 15h19

Jornada do Conhecimento leva orientação profissional a socioeducandos

A segunda edição do evento percorre as unidades de socioeducação do DF; apresentações serão concluídas nesta terça (4)

 

Aldenora Moraes, Ascom/Sejus | Edição: Ígor Silveira, Agência Brasília

 

A 2ª Jornada do Conhecimento: Explorando Profissões é destinada aos socioeducandos do Distrito Federal a fim de capacitá-los quanto ao conhecimento prévio de carreiras e à rotina profissional. A iniciativa, que já percorreu sete unidades de internação socioeducativas, prepara os adolescentes para os avanços tecnológicos do mercado de trabalho e a importância do empreendedorismo, o que favorece a ressocialização.

 

Nesta terça (4), será a vez das socioeducandas da Unidade de Internação Feminina do Gama (UIFG) participarem do evento. Os profissionais de diferentes áreas e atuações compartilham experiências acerca de diversas profissões, o que possibilita a identificação das possibilidades e sonhos, auxiliando as adolescentes no processo de escolha da profissão e dando dicas para a inserção no mercado de trabalho. As palestras contemplam temas diversos como fotografia, encadernação, biologia, pizzaria e interação virtual.

 

Profissionais de diferentes áreas compartilham experiências acerca de diversas profissões, o que possibilita a identificação das possibilidades e sonhos dos adolescentes | Foto: Divulgação/Sejus

 

A Jornada do Conhecimento possibilita ainda o diálogo com os profissionais de cada área, desvendando o mundo do trabalho, o que auxilia no processo de decisão

Marcela Passamani, secretária de Justiça e Cidadania

 

A 1ª Jornada do Conhecimento foi realizada em 2023 e atendeu cerca de 250 socioeducandos. A iniciativa conta com diversas parcerias, entre elas com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), a Secretaria de Educação (SEEDF), o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac-DF), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-DF) e o Jardim Zoológico de Brasília.

 

Para a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, a orientação profissional facilita a escolha e promove a identificação de aptidões e o autoconhecimento dos adolescentes. “A Jornada do Conhecimento possibilita ainda o diálogo com os profissionais de cada área, desvendando o mundo do trabalho, o que auxilia no processo de decisão”, explica.

 

Para o evento, a SEEDF disponibiliza o espaço físico dos núcleos de ensino de cada unidade de internação socioeducativa durante a realização do projeto. Os núcleos são anexos de escolas da rede pública de ensino do DF e funcionam dentro das unidades.

 

Governo do Distrito Federal